Procurar
Close this search box.

Schoenstatt
Movimento Apostólico

Novo Santuário de Schoenstatt em Corrientes, Argentina

By: Conselho Diocesano de Corrientes

Querida Família do Movimento Apostólico de Schoenstatt

Em nome do Movimento Apostólico de Schoenstatt de Corrientes, gostaríamos de convidá-los para a Bênção e Inauguração do Santuário Filial de Schoenstatt, que acontecerá no domingo, 11 de setembro. Nós desejamos que possam participar desta grande festa da Mãe, ela ouviu as orações de seus filhos e quer se estabelecer para sempre neste Santuário, em terra correntina, no coração do Nordeste às margens do rio Paraná. Será inesquecível vivenciar o momento da benção deste lugar sagrado e desejamos que a família argentina e os países irmãos nos acompanhem para compartilhar essa grande alegria, coroando uma história emocionante e ousada de conquista da construção material e espiritual de um Santuário de Schoenstatt.

Em nosso Taragüí, desde sua gênese, dois ícones são moldados, sinais que atravessam toda a sua história e dão origem à sua identidade. É terra adotada pela Pura e Limpa Conceição como sua posse materna, sob a sombra do madeiro sagrado da Santa Cruz dos Milagres.

Nuevo Santuario

Terra de Maria

A cultura de raízes marianas identifica esta terra de Corrientes inequivocamente como “Terra de Maria“, a qual os habitantes de todo o território recorrem ao seu trono, e as peregrinações vão se multiplicando tornando-se rios de vida de fé. Peregrinos que vêm filialmente para pedir, agradecer ou simplesmente cumprimentar a rainha, que da costa do majestoso Paraná, acolhe, transforma e impulsiona seus filhos a amar Jesus.

A fecundidade mariana desta terra que se nutre de um profundo amor à Mãe de Deus, permitiu que a semente de Schoenstatt encontrasse uma pátria, e com o tempo conseguiu crescer vigorosamente.

Padre Héctor Pérez Olibrio

No início da década de 1970, um Sacerdote da Federação dos Presbíteros de Schoenstatt, o Padre Héctor Pérez Olibrio, traz terra do Santuário de Bellavista, Chile, e a deixa aos pés da Terna Mãe de Itatí. Com os anos descobrimos que a Mãe acolheu este presente simples, mas fundamental. Alguns anos mais tarde, no final de 1974, o casal Lavini, pertencente ao grupo fundador “Diapasón” da Obra de Famílias do Paraná, Entre Ríos, chega a esta terra por motivos de trabalho. Em Corrientes encontraram um sacerdote salesiano amigo que os convidou a dar um testemunho sobre o Homem Novo, em uma palestra no seminário menor da Arquidiocese, aceitaram de bom grado e foi assim, que enquanto percorriam o local conhecendo-o, descobriram uma imagem da Mãe Santíssima em preto e branco, um presente que o Padre Kentenich havia enviado através de um padre alemão para a diocese décadas antes.

Nossa Mãe Santíssima providencialmente nos mostrou o lugar onde ela queria estar, no próprio coração da nossa Igreja, o lugar de formação dos nossos futuros sacerdotes. Este foi um sinal que guiou nossas decididas ações subsequentes para cumprir o “Dilexit Ecclesiam” do nosso fundador. A descoberta desta pintura foi para o casal Lavini uma grande surpresa e emoção, ao mesmo tempo em que sentiram que ELA lhes pedia algo.

Um mês depois, na Paróquia Nossa Senhora de Pompeia, o Sacerdote Capuchino com quem trabalharam com casais na Diocese de Formosa, o Padre José Luis Schmidt OFMC, os apresentou a comunidade e ao Grupo de Jovens pedindo-lhes para cuidar desta juventude, e eles assim o fizeram. Se encontravam semanalmente e foi nascendo nos jovens a curiosidade de saber sobre a “Mãe”. De lá surgiram quinze jovens corações que se apaixonaram cada vez mais por Nossa Senhora acompanhados pelo casal Lavini, dando início ao primeiro grupo de jovens do Movimento de Schoenstatt em nossa arquidiocese.

Como eventos de profundo significado, se destacam o presente do quadro fundacional que a família do Paraná dá a esses jovens de Corrientes. Este presente de amor de nossa Mãe Santíssima, está entre nós como testemunho de sua ação silenciosa ao longo dos anos conquistando corações heroicos para ela.

A Família de Schoenstatt se sente enriquecida, amparada e a serviço da Igreja e da cidadania local com:

Campanha dos Peregrinos do Santo Rosário
A Campanha nas escolas
Campanha dos Bebês em Risco “Campañita”
Secretariados: Irmã Emilie – Padre José Kentenich
Juventude Masculina e Feminina
Coluna Masculina – Madrugadores
Federação Masculina
Obra de Famílias
Liga Apostólica de Famílias
Instituto de Famílias
Federação Apostólica das Famílias
Mulheres Profissionais
Ramo das Mães

Em nossa terra Guarani, ela cumpriu sua missão de Mãe e Rainha há 52 anos e hoje é coroada na materialização de um Santuário Filial, um processo de construção material que levou 2 anos de trabalho e que constitui uma verdadeira conquista material e espiritual da família de Corrientes. Este santuário está localizado na Calle Güemes 1411.

No dia 2 de março, quando poucos imaginavam que tudo estaria tão complicado com uma pandemia, veio a autorização da Direção Nacional para a construção do tão esperado Santuário, despertando grande entusiasmo e profunda emoção na família de Corrientes.

Nestes dois anos de pandemia, fomos infectados não só por covid, o contágio massivo foi da fé e mais fortemente na família de Schoenstatt por amor à Mãe, ao Pai e à sua missão e à Igreja. Nos inflamamos e colocamos as mãos à obra para finalizar a construção material do Santuário, fonte e mistério da nossa espiritualidade, onde através da Aliança de Amor procuramos conquistar e atrair corações. Santuário onde se experimentam as glórias de Maria, seu afeto, cuidado maternal que acolhe, seu olhar terno que transforma e seu amor fecundo que move a compartilhar a experiência. Santuário onde, além de conhecê-la, Ela nos reúne como família para discernir o caminho que nos leva a viver plenamente a Aliança de Amor.

Uma obra da Divina Providência

A pandemia atuou como um decantador em nossas vidas em todos aspectos, nos revelou o que é essencial e o que não é. Também serviu para olhar diferente e de novo a realidade. Foi um momento com oportunidade de crescimento e amadurecimento espiritual, e neste tempo de intensa aprendizagem e adaptação, surgiram novas formas de comunicação, de trabalho, de missão. Então nós aproveitamos as novas possibilidades e novas ferramentas e começamos a trabalhar apesar das limitações e cuidados necessários para preservar a saúde. É importante notar que este importante fato, obra da Divina Providência significa a materialização de um desejo de toda a região à qual os peregrinos irão para receber as graças de nossa Mãe e saiam transformados em apóstolos com a mensagem de boas novas.

Vemos a glorificação da Mãe Santíssima na concretização material deste Santuário Filial. Agora nós, a família de Corrientes, somos responsáveis ​​por realizar o sonho do PAI, gestar deste novo Santuário Filial uma nova igreja e sociedade neste tempo de discernir em sínodo o horizonte para onde vamos.

Este acontecimento de Graça pertence a toda a Família de Schoenstatt Internacional, por isso convidamos você a viver este marco para a Igreja de Corrientes, nos acompanhando neste momento de graça e chamado a viver nossos Santuários como Escolas e Oficinas de Santidade, para reviver TODO o chamado do Pai e nos deixar educar pela Nossa Mãe e em Aliança com Ela trabalhar em “novas praias”.

Esperamos vocês felizes e confiantes na sua vitória!

Conselho Diocesano de Corrientes

Nota: Para melhor nos organizarmos, é fundamental que confirme a sua participação, antes do dia 30 de julho, preenchendo o formulário do google: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfqLgrc1OHGr6eGJSgK0ITIMGGqY37cFl5XckVxxdtxe3K0OQ/viewform

Share

with your loved ones

Related articles that may interest you

glimmer of light

Uma nova luz em Vila Devoto

Há vários anos, a Paróquia São Rafael de Villa Devoto celebra missas em um canto do bairro para a Novena de seu Padroeiro. Nada de espetacular: uma encruzilhada, uma casinha de porta aberta, um vizinho que empresta uma mesa e uma toalha, outro que traz alguns banquinhos… Mas não é sempre no pequeno, no mais insignificante, a origem do mais grande?

Read More »