Procurar
Close this search box.

Schoenstatt
Movimento Apostólico

Encontro Arquidiocesano de Jovens: Mais que um evento, uma experiência transformadora

By: Génesis Moncayo

No primeiro domingo do Advento, 3 de dezembro, cerca de três mil jovens de Guayaquil se reuniram para viver uma experiência única: o Encontro Arquidiocesano de Jovens. Este evento, organizado pela Arquidiocese de Guayaquil, prometia uma jornada cheia de fé, esperança e alegria. Schoenstatt foi convidado para ser um dos principais organizadores junto com o Movimento Caminho Neocatecumenal.

Quem nos separará do amor de Cristo?

Este foi o lema escolhido para o grande encontro, já que este ano a Igreja no Equador declarou como o ano do Sagrado Coração de Jesus, em comemoração aos 150 anos da consagração do país, que será comemorado em março de 2024. O Equador foi o primeiro país do mundo a consagrar-se ao Sagrado Coração de Jesus.

Em homenagem a esse ato tão memorável, ocorrido há tantos anos, queremos ser os jovens que tornam a propagar essa gratidão e devoção ao Sagrado Coração de Jesus. Nosso país é consagrado, temos um direito especial em seu coração. Somos propriedade de Deus. Fomos consagrados. Quem está unido a Ele experimenta esse céu. Uma vez que estamos unidos a Ele, consagrados a Ele, ninguém nos pode separar!

Um encontro cheio de vida

O encontro foi vivido com diversas atividades: dinâmicas, grupos musicais, confissões, Adoração, estandes dos diversos Movimentos que integram a Arquidiocese, testemunhos de jovens que participaram da JMJ, encerrando-se com a Santa Missa. Tudo isso contribuiu para gerar um ambiente alegre, cheio de resplendor e esperança, lembrando-nos que no meio das trevas sempre há luz.

Houve também uma conversa com nosso pastor, Dom Luis Gerardo Cabrera, na qual foram abordadas questões sobre os jovens, as mulheres e a missão da Igreja; foi um espaço muito jovial que permitiu a juventude se expressar com simplicidade e liberdade. Dom Luis garantiu que se lembrará de cada palavra proferida neste espaço do encontro.

Schoenstatt a serviço da Igreja

Uma equipe da Juventude Apostólica de Schoenstatt e seus Assessores esteve muito comprometida na organização do encontro. Eles trabalharam durante mais de 3 meses, com reuniões semanais junto aos delegados da Arquidiocese e do Movimento do Caminho Neocatecumenal, cuidando e planejando cada detalhe para que a experiência fosse memorável.

Membros da Liga de Famílias e do Ramo das Mães também colaboraram abertamente no encontro, encarregando-se da animação, Adoração, conversa e Santa Missa.

Nossa juventude, além de fazer parte da grande equipe de voluntários, também participou ativamente do encontro. Compartilhamos alguns testemunhos sobre suas experiências:

“Participar da conversa com Dom Luis Cabrera foi uma experiência enriquecedora. Durante o intercâmbio ficou evidente o compromisso que ele tem com a Igreja jovem e por continuar promovendo esses espaços onde a juventude arquidiocesana pode encontrar-se e expressar-se. Destaco a sua atenção a cada intervenção e, principalmente, às suas respostas, sempre claras, sinceras e carregadas de muita emoção. Considero que nele a juventude tem um aliado para seguir cultivando a fé e sair em missão levando o amor e a misericórdia de Jesus” – Roberto Urquizo (Juventude Masculina, voluntário e participante da conversa)

“Havia uma grande diferença entre ser voluntária e ser quem participa da Jornada. Como voluntária, me preocupava com o bem-estar dos outros, acompanhava se tudo corria conforme o planejado e estávamos sempre dispostos a buscar soluções. A organização desta grande atividade exige pessoas comprometidas e isso se refletia em cada um dos voluntários. Adorei ser voluntária e me voluntariaria novamente para servir aos outros!” – María José Campuzano (Juventude Feminina, voluntária)

“A felicidade representada em cada rosto das pessoas que eu estava servindo foi o maior presente que esse encontro poderia me dar. Ajudar o próximo nos preenche a alma e o coração de uma maneira profunda, garantindo que nenhuma outra ação que tomamos possa ser comparada com o sentimento que servir a nossa comunidade nos proporciona. Ao longo de todos esses anos em Schoenstatt, a Mãe me ensinou como é bonito viver quando se tem a oportunidade de servir aos outros e o faz de forma extraordinária, dando sempre o melhor de si. Se me perguntassem, diria que sim, sim, voltaria a ajudar uma e mil vezes mais, sempre me colocando à disposição de quem precisa de mim” – María Paz Romero (Juventude Feminina, participante)

Assim, o XI Encontro de Jovens Arquidiocesano chegou ao fim, deixando no coração de cada jovem uma semente de fé e de compromisso. Como Movimento, sentimo-nos plenos e felizes por servir a nossa Igreja, partilhando o nosso carisma com amor e entrega generosa.

Mais do que um encontro, esta foi uma experiência transformadora que se espera que continue a dar frutos dia após dia na vida de milhares de jovens que despertam ao chamado de Deus e decidem viver a sua fé com autenticidade e liberdade, seguros de que nada e ninguém poderá nos separar do amor de Cristo.

Tradução: Audrey Markutis

Share

with your loved ones

Related articles that may interest you

As Forças Armadas do Equador rezam pela Paz no Santuário

Representantes das diferentes Forças Armadas do Equador, em nível nacional, dirigiram-se ao Santuário Nacional de Schoenstatt, de Guayaquil, para rezar pela paz. Juntos, pedem proteção de seus homens e mulheres, que se encontram em um momento de violência incomum. Levaram as graças que a Mãe concede no Santuário para seus lares e para seus companheiros.

Read More »

Argentina: Tempo de férias é tempo de missão

A Juventude não para. Cerca de 670 jovens são missionários da alegria e da esperança na Argentina. As férias de verão se transformam em momentos especiais de entrega e de amor durante as missões, que acontecem em várias partes do país simultaneamente.

Read More »