A Campanha da Mãe Peregrina de Guayaquil

A Campanha da Mãe Peregrina de Guayaquil, Equador, tem muito a agradecer a nossa Mãe e Rainha. Sua fidelidade supera grandemente nossa pequena dedicação. Depois de um ano difícil como foi 2020, nossa Rainha começou a agir, e desde o mês de maio deste ano, dedicado a Ela, as Missionárias se ofereceram para rezar o terço, diante do Santíssimo exposto, todas as quintas-feiras na Paróquia Santo Alberto Magno antes da Missa. Esse oferecimento continuou após o mês de Maria, e todas as quintas-feiras as Missionárias mantiveram seu compromisso. Em junho, a Irmã Norma, junto à Coordenadora da Campanha em Vila Club, pediu autorização ao Padre Alfonso para começar com uma missão ampliada na qual se convidou todos os paroquianos que quisessem receber a visita da Mãe Peregrina; 90 famílias se inscreveram e a receberam durante os meses de agosto e setembro. Entronização da MTA O Padre Alfonso aceitou que nossa Mãe e Rainha fosse entronizada em sua paróquia, e o mês de outubro foi o eleito, mês das missões, para entregar-lhe seu trono. Preparamos, tanto financeiramente para preparar em lindo retábulo a Maria, como também com o mais importante - oferecimentos ao Capital de Graças. Com a oração fiel do santo terço em cada quinta-feira e uma linda novena durante a qual estava presente o quadro da MTA que seria entronizado, se deu essa preparação espiritual. Entronização da MTANo sábado, dia 23 de outubro, a Mãe, lindamente ornada com flores e lírios, chegou ao Santuário da Cidade Celeste, previamente à sua entronização que foi na Missa dominical das 12h30 no dia 24 de outubro, para encher-se de graças. Nesse sábado, nos reunimos no Santuário, presencial e virtualmente, para rezar o terço por nosso país, na jornada que a Campanha organizou. Foi  um momento maravilhoso em que pedíamos à Mãe, com cantos e orações, que reine em seu novo trono de graças na Paróquia Santo Alberto Magno. Entronização da MTANo domingo 24 de outubro a Rainha seguiu em caravana desde o Santuário até a Paróquia. Cerca de dez automóveis foram em procissão seguindo o carro da Rainha, de onde Ela foi abençoando nossas ruas e demais lugares. Ao chegar à Paróquia, a imagem foi carregada por representantes da Campanha, seguidos pelos apóstolos de Maria com rosas para adornar o altar onde aconteceria a Santa Missa, presidida pelo Padre Alfonso Avilés e acompanhada pelos Padres Pablo e Claudio dos Padres de Schoenstatt. Ao término da Missa, o quadro foi levado ao local da entronização, e começando com o hino da Campanha, cantamos e festejamos nossa Mãe que tem um novo trono, a partir do qual derramará suas graças a todos os que frequentam a Paróquia. Desta forma, se faz vida nosso propósito de servir à Igreja, de estar profundamente integrados a ela, para cumprir nossa missão; e assim viver no mais profundo de nossos corações o lema deste ano jubilar da Família do Equador: “Santuário és Missão.”   Capital de Graças: quanto vale sua contribuição?